TOPDesk

Nível do Atendimento

Publicado em 12/04/2013 em Gerente de projetos,SUPORTE - A Série

Vida de Suporte

13 Comentários

sandro pires disse:

po antes um cara q fala gírias mas resolve o problema do que alguém que fala bonitU mas nao sai do lugar…

Jefferson disse:

sandro pires

obrigado capitão óbvio!

Dilson Moura disse:

POow Eu faço bonito e resolve 😛

O melhor atendimento da empresa ao seu dispor rsrsrs

sandro pires disse:

e sempre uma prazer ajudar aos aflitos e anencéfalos como vc jefferson neste mudo tao perigoso, com pensamentos “retóricos”!

JL disse:

Conheço uma menina “técnica” que atendia os clientes “e aí, macho?!?! blz?? (…) ah nem, macho… como tu clicou nessa parada??”

jacknpoe disse:

Isso lembra uma história engraçada. A empresa estava recebendo muitas reclamações de problemas e erros. Solução: proibiu o uso das palavras problema e erro no sistema de controle interno.

Jonatan disse:

A grande diferença esta no conhecimento!

O primeiro não sabe que se a pessoa do outro lado da linha não tem capacidade de resolver um “problema” daqueles, ela nem deveria ter sido contratada, assim como ele.

No segundo caso o técnico de verdade sabe desse “pequeno” detalhe e deixa o USUÁRIO BURRO aprender sozinho, afinal…

T.I. não é feita para ficar dando cursinho de micro informática, isso é necessidade básica para contratação de anacéfalos funcionais como grande parte dos que se dizem “técnicos”!

Isso me lembra uma das palestras que eu vi na faculdade, passava a mesma mensagem 😀

ilkyest disse:

daí depende… eu acho que tem de falar a lingua do cliente

se o cliente gosta de atendimento formal, blz……

eu tenho clientes que contam piadas, e tenho clientes que chamam de senhor, e outros que odeiam ser chamados de Sr……

Ronaldo disse:

Queria ver se estivesse falando com diretoria.. é difícil falar “não” quando pedem algo totalmente sem nexo.

Fernando disse:

Assim como o(a) ilkyest disse depende muito…

Se no pimeiro momento a gente não conhece o usuário cabe a nós captar o “idioma” que ele fala (risos) e então fazer o atendimento.
Até no depto jurídico existem usuários que falam gírias, mesmo assim não vou chegar no jurídico e falar “opa, tudo beleza ?”.

Deixe uma resposta

© 2016 Vida de Suporte | Feito com Wordpress - Desenvolvimento por Dk Ribeiro