TOPdesk

Mais histórias de terror

Publicado em 24/08/2010 em Humor,Outros Suportes,Por aí...

Glasbergen

*A tradução é algo mais ou menos assim: “Não, não estou furioso com o você, senhor. Estou furioso com o ato do destino que direcionou sua ligação para meu ramal.”

Acontecimentos Verídicos

Suporte – Qual a dúvida senhor?
Usuário – Eu gostaria de configurar meu leitero , acho que está com problemas.
Suporte – Leitero?
Usuário – É…o de código de barras!

***

Usuário – Eu gostaria de colocar o programa em rede.
Suporte – Por favor senhora compartilhe o Disco local C:
Usuário – Ahh não… Então eu não quero!
Suporte – Tem que ser feito senhora, caso contrário o programa não irá funcionar corretamente.
Usuário – O meu marido vai ver tudo que tem no meu ?!
Suporte – Sim senhora.
Usuário – Então eu copio pra outro lugar…( me ensina compartilhar tudo que tem no dele pra eu ver?!)

***

Usuário – Meu programa ta dando um erro “meu rei”, não consigo fazer nada.
Suporte – Abre ele e me fala a mensagem de erro senhor.
Usuário – Não da, eu to num orelhão e a ligação vai ca………..

obs: o ” meu rei ” foi só pra especificar o local da ligação.

***

Usuário – Por favor gostaria de uma ajuda
Suporte – Sim , pois não
Usuário – É que minha impressora está desfigurada !!!

***

Suporte – O Senhor por favor acesse o meu computador , disco local c:
Usuário – O que?
Suporte – Por favor senhor, clique em disco local C:
Usuário – É é é pra discar?!
Suporte – Não senhor, CLIQUE em disco local C:
Usuário – Onde que eu disco??

FONTE: http://sicknets.blogspot.com/

Clique aqui para ver mais charges e cartuns de Randy Glasbergen.

Luzes acesas

Publicado em 22/08/2010 em Histórias Reais,SUPORTE - A Série

Mais histórias verídicas

HISTÓRIAS VERÍDICAS DE SUPORTE À INFORMÁTICA

Esta é uma coletânea com casos verdadeiros ocorridos em suportes de informática, nas mais diversas partes do mundo, enviados pelos mais diversos colaboradores aos mais diversos grupos de discussão. Se você se acha ignorante em computadores, leia as histórias abaixo…

01.A Compaq está pensando em mudar o comando “Press Any Key” (“Pressione Qualquer Tecla”) por causa da enxurrada de consultas técnicas perguntando sobre onde fica a tecla “Any”.

02.Uma usuária desesperada chamou a Dell porque não conseguia ligar seu computador. Depois de se assegurar que o havia ligado na tomada, o técnico perguntou-lhe o que acontecia quando ela apertava o botão de ligar. Ela respondeu que pisava e pisava no pedal e nada acontecia. O pedal era o mouse.

03.Certo dia, uma pessoa foi se matricular em MS-DOS e quando leu o prospecto fez a célebre indagação à atendente: “Eu posso fazer MS dois? Eu nem fiz o um !”

04.Cliente liga dizendo que seu porta-copos está estragado.
Técnico: “Como assim: ‘porta-copos’ ? ”
Cliente: “O porta-copos não esta agüentando o peso do copo e empenou.”
Técnico: “Olha, o micro não tem ‘porta-copos’. Acho melhor você trazer o micro aqui então.” Ao chegar, a surpresa do técnico: o porta-copos era o drive do CD!

05.A secretária do setor de desenvolvimento da Fiocruz, sempre depois de usar o computador (qualquer um) ia lavar a mão… Depois de quase um mês, sondaram a causa de comportamento tão higiênico. Resposta: “Todo mundo sabe que computadores vivem cheios de vírus, toda hora vocês acham um novo, como eu não sou boba, lavo a mão depois de usar, afinal eu não quero ficar doente…”

06.Funcionário de suporte por telefone conta que uma mulher ligou com um problema no micro. Ele então perguntou qual a última coisa que estava escrita no monitor. A resposta: “Samsung!”

07.Uma mulher ligou para o suporte técnico da Canon dizendo ter um problema em sua impressora. O técnico perguntou se ela estava rodando sobre o ‘Windows’ (“janela”, em inglês). A mulher respondeu: “não, a mesa do computador fica próxima da porta. Mas é uma boa idéia. O homem que fica na sala ao lado colocou o computador dele próximo à janela, e está funcionando bem!”

08.Ouvido numa loja de computadores.
Cliente: “Gostaria de um mouse pad, por favor”
Vendedor: “Claro, temos uma grande variedade”
Cliente: “Mas será que tem algum compatível com meu computador?”

09.Cliente: “Você pode copiar a Internet para mim neste disquete?”

10.Cliente: “Então você vai me conectar à Internet, certo?”
Vendedor: “Sim”
Cliente: “E você tem a última versão da Internet, certo?”

11.No dia em que a compra de um modem se torna necessário:
Suporte: “Precisamos de um modem”
Diretor: “O que você sugere?”
Suporte: “Sugiro um de 33.600.”
Diretor: “Você está louco… esse é muito caro!”
Suporte: “Tudo bem, podemos comprar o de 28.800.”
Diretor: “Continua caro! Qual é o mais barato?”
Suporte: “Existe o de 2.400, mas é difícil de achar…” (já quase explodindo..)
Diretor: “OK!” – vira para secretária – “Oooo, Fulana, faz um cheque de R$ 2.400,00 para a compra do modem!”

12.O técnico recebe um telefonema:
Usuário: “Oi !!! alo… olha, é que o meu computador não quer ligar de modo nenhum.”
Suporte: “Como?! O que o Sr. esta fazendo? Ligou na tomada?…”
Usuário: “Sim!”
Suporte: “Apertou o botão escrito Power?!…”
Usuário: “Não apertei não. Eu vi o botão turbo e apertei, como vi que não ligou eu girei a chave e pisei no acelerador (leia-se: mouse) pequeninho que estava junto e ai apertei o turbo mas nada…”

13.História verídica de uma grande corporação. Após a instalação do Internet Mail, ao ver a mensagem padrão da Microsoft, o usuário vira radiante para o suporte e exclama: “Puxa, já recebi um e-mail da Microsoft! Esse Bill Gates é demais!”

14.Diretor pergunta para suporte: “Qual a diferença entre um Pentium 90 e um Windows 95?”

15.O usuário liga aflito com problemas de compartilhamento de dados em rede. Numa consulta por telefone, o analista pergunta: “Você consegue enxergar as máquinas em outro aplicativo?”
O novato responde prontamente: “Consigo, de onde eu estou sentado dá para ver as duas”.

16.Usuário: “Eu estava instalando meu Windows 95, mas, aparentemente, o programa parou”.
Suporte: “Há quanto tempo a tela está assim? É normal o programa ficar parado um pouco enquanto o Windows processa a instalação”. Usuário: “Há dois dias”.

17.Durante uma chamada para configurar o Windows, o analista pede:
“Agora você vai clicar com o botão direito do mouse no ícone meu computador”.
Usuário: “Para você é fácil clicar no seu computador. E eu, como faço?”

18.Certo dia liga um cliente com uma dúvida sobre como utilizar um arquivo no Windows 3.1. O atendente pede que primeiro ele abra a uma janela.
O cliente demora um pouco e retorna: “E agora?”
Atendente: “O que o senhor está vendo?”
Cliente: “A rua, oras!”

19.Um usuário de um sistema de computação de Salvador reclama que seu sistema não funciona.
“Vamos lá, meu companheiro, me diga qual é o problema.” “Ó xente, já expliquei uma montanha de vezes… eu ligo o diacho do computador e só vem cebiquim…”
“Vem o quê ?!”
“Cebiquim!!! Vocês não entendem é nada de computador, ó xente!”
Desconcertado, o analista vai para casa e, depois de consultar diversos manuais técnicos, verifica que a mensagem reportada simplesmente não existe… Muito desanimado, comenta o problema com a esposa, também baiana, como o usuário do “cebiquim”.
“Ai o cara vem com essa mensagem… E isso que dá ficar colocando esse pessoal sem experiência para usar tecnologia emergente…”
“Peraí… qual é a mensagem?”
“Cebiquim”
“Ah! Já vi que você não fez o cara soletrar, né?”
A esposa leva o marido ate o micro da casa, dá um boot e logo surge o prompt do DOS.
“Taí o cebiquim” – ela aponta.
Era o C:\

20.Cliente: “Eu estou com um problema no meu sistema e…”
Suporte: “Tente ‘resetar’ a máquina e ligar novamente…”
Cliente: “Como eu faço?”
Suporte: “Aperte a tecla ‘reset’ em seu computador…”
Cliente: “Não tem!”
Suporte: “Então, faca o seguinte: tá vendo a tecla CONTROL?”
Cliente: “Não.”
Suporte: “CTRL”
Cliente: “Ah, tá…” (e mete o dedinho da mão esquerda no tal do CTRL)
Suporte: “Aperta ela, mantém segurada e aperta o ALT…”
Cliente: “ALT ?”
Suporte: “É, do lado direito dela…”
Cliente: “Ah, tá bom…” (e mete o anular da mão esquerda na tal tecla ALT) e agora?
Suporte: “Agora, você aperta a tecla ‘Delete’ ou ‘Del’ do lado direito do teclado…”
Cliente: (segurando o telefone com a mão direita, diz) “Ah, eu não alcanço!!!!!
Passa-se meia hora. O atendente está nervoso, porque o usuário não consegue resolver o problema. Pede então para o usuário sair para o DOS.
Suporte: “Ah, o arquivo não existe? Então, o Sr. dá um DIR aí, para ver se o arquivo não existe mesmo…”
Cliente: “Dar um DIR? Espere um minuto… não está funcionando!” Suporte:
“Como? É só dar um DIR e o senhor consegue ver se existe o arquivo ou não!”
Cliente: “Peraí…” (clep, clep, clep…) “não dá certo…”
Suporte: “Olha, é só o senhor dar um DIR NOMEDOARQUIVO.TXT e ENTER. Tente novamente.”
Cliente: “Peraí…” (clep, clep, clep…) “Ainda não dá certo! Mas afinal, UMDIR é com ‘M’ ou com ‘N’ ??”

(Na realidade não sei se as histórias são realmente reais, mas legais elas são.)

FONTE: http://www.1001inutilidades.com.br/curiosidades.htm

Você acha que eu sou burra?

Publicado em 13/05/2010 em Histórias Reais,SUPORTE - A Série

Aqui tá normal!

Publicado em 07/05/2010 em Mauro,SUPORTE - A Série

ARTIGO: Habilidades não técnicas de um DBA

Publicado em 06/05/2010 em Artigos,Por aí...,Publicações,SUPORTE - A Série

Tive o prazer de ter uma tirinha minha utilizada nesse artigo muito massa de Mauro Pichiliani, publicada no portal iMasters. Esse texto tem dicas muito úteis para qualquer profissional, especialmente para os da área de TI.

Clique aqui para ler o artigo.

Arroba

Publicado em 05/05/2010 em Histórias Reais,SUPORTE - A Série

Operador Bastardo do Inferno

Publicado em 04/05/2010 em Humor,Outros Suportes,Por aí...

Apesar de ser amplamente conhecido na rede e nesse nosso mundo de TI, confesso que só fui conhecer o Operador Bastardo do Inferno ontem. O cara virou meu herói.

O texto é genial, e como é um clássico, não poderia faltar aqui:

Uma semana na vida do operador bastardo do inferno

**** Segunda ****

8:05am

Usuário chama dizendo que perdeu a password. Eu disse a ele
para usar um utilitário de recuperação de senhas chamado
FDISK. Ignorante, ele me agradeceu e desligou. Meu Deus!
E a gente ainda deixa essas pessoas votarem e dirigirem?

8:12am

A Contabilidade chamou para dizer que não conseguiam acessar
a base de dados de relatórios de despesas. Eu dei a resposta
Padrao dos Administradores de Sistema #112: “Engraçado…
Comigo funcionou…”. Deixei eles pastarem um pouco enquanto
eu desconectava minha cafeteira do No-Break e conectava o
servidor deles de volta. Sugeri que eles tentassem
novamente. Ah… Mais um usuario feliz…

8:14 am

O Usuario das 8:05 chamou dizendo que recebeu a mensagem:
Erro no acesso ao drive 0. Disse a ele que isso era
problema de SO e: transferi a ligação para o microsuporte.

11:00 am

Relativamente calmas as últimas horas. Decidi reconectar o
telefone do suporte para ligar pra minha namorada. Ela disse
que os pais dela virão pra cidade nesse fim-de-semana. Pus
ela “em-espera” e transferi a ligação para o almoxarifado.
Que é que ela está pensando? Os torneios de “Doom” e “Myst”
são neste fim-de-semana!

12:00 pm

almoço.

15:30 pm

Retorno do almoço.

15:55 pm

Acordei da soneca. Sonhos ruins me dão tremores. Empurrei os
servidores sem razão. Voltei pra soneca.

16:23 pm

Outro usuario liga. Quer saber como mudar fontes em um
formulário. Perguntei que chip eles estão usando. Falei
pra eles ligarem novamente quando descobrirem.

16:55 pm

Resolvi rodar a macro “Criar Salvar/Replicação de
Conflitos” para que o turno da noite tivesse algo
pra fazer…

**** Terça ****

8:30 am

Terminei a leitura do log do suporte da noite anterior.
Pareceram ocupados. Tempos terriveis com Salvar/Replicação
de Conflitos…

9:00 am

Gerente de suporte chega. Quer discutir minha atitude.
Cliquei no Phone Notes Smart Icon. “Adoraria, mas estou
ocupado. “, gritei enquanto pegava as linhas de suporte,
que (misteriosamente) acenderam.

9:35 pm

O chefe da equipe de P&D precisa de ID para novos empregados.
Disse ele que precisava do formulario J-19R=3D9C9\\DARR\K1.
Ele nunca tinha ouvido falar de tal formulário. Disse a ele
que estava no banco de dados de FORMULÁRIOS ESPECIAIS. Ele
nunca tinha ouvido falar de tal banco de dados. Transferi a
ligação para o almoxarifado.

10:00 am

Ana ligou pedindo um novo ID. Eu disse que precisaria da
matricula, nome de depto, nome do gerente e estado marital.
Rodei @DbLookup nos bancos de dados de Controle de Doenças
e não achei nada. Disse a ela que o novo ID estaria pronto
de noite. Relembrando as lições de “Reengenharia para
Parceria de Usuários”, ofereci-me para entregar pessoalmente
em sua casa.

10:07 am

O cara do almoxarifado passou por aqui dizendo que estava
recebendo ligações estranhas ultimamente. Ofereci a ele um
treino em Notes. Começando agora. Deixei ele olhando a
console enquanto sai para fumar.

13:00 pm

Voltei da pausa para o cigarro. O almoxarife disse que os
telefones ficavam tocando demais, então ele transferia as
ligações pra moça da cafeteria. Começo a gostar desse cara.

13:05 pm

Grande Comoção! Gerente de suporte cai num buraco aberto
onde eu tinha tirado os tacos, na frente da porta do seu
escritório. Falei pra ele da importância de não entrar
correndo na sala do computador, mesmo que eu grite
“Meu Deus — Fogo!!”

14:00 pm

A secretária jurídica liga e diz que perdeu a password.
Pedi a ela que cheque sua bolsa, chão do carro e no
banheiro. Disse que provavelmente caiu das costas da
máquina. Sugeri que ela ponha durex em todas as entradas
de ar que ela ache no PC. Grunhindo, ofereci-me para lhe
dar nova ID enquanto ela colava os durex…

14:49 pm

O almoxarife voltou. Quer mais aulas. Tirei o resto do dia
de folga.

**** Quarta ****

8:30 am

Detesto quando os usuários ligam pra dizer que o chipset não
tem nada a ver com fontes em um formulário. Disse a eles
“claro, vocês deviam estar checando o “bitset” e não
“chipset”. Usuário bobo pede desculpa e desliga.

9:10am

Gerente de suporte, com o pé engessado, volta ao escritório.
Agenda um encontro comigo para 10:00am. Usuário liga e quer
falar com o gerente de suporte sobre terriveis socorros na
mesa de suporte. Disse a eles que o gerente estava indo a
uma reunião. As vezes a vida nos dá material…

10:00 am

Chamei o Luiz do almoxarifado pra ficar no meu lugar
enquanto vou no escritório do gerente. Ele disse que não
pode me demitir, mas que pode sugerir vários movimentos
laterais na minha carreira. A maioria envolvida com
implementos agricolas no terceiro mundo. Falando nisso,
perguntei se ele já sabia de um novo bug que pega texto
indexado dos bancos de dados e distribui aleatoriamente
todas as referências. A reunião foi adiada…

10:30 am

Disse ao Luiz que ele está se saindo muito bem. Ofereci-me
para mostra-lo o sistema corporativo de PBX algum dia…

11:00 am

almoço.

16:55 pm

retorno do almoço.

17:00 pm

Troca de turno. Vou pra casa.

**** Quinta ****

8:00 am

Um cara novo (Jonas) começou hoje. “Boa sorte”, disse a ele.
Mostrei-lhe a sala do servidor, o armário de fios e a
biblioteca técnica. Deixei-o com um PC-XT. Falei pra
ele parar de choramingar. O Notes rodava igual, tanto em
monocromo quanto em cores.

8:45 am

Finalmente o PC do novato deu boot. Disse a ele que iria
criar novo usuário pra ele. Setei o tamanho minimo de
password para 64. Sai pra fumar.

9:30 am

Apresentei o luiz ao Jonas. “Boa Sorte”, comentou o Luiz.
Esse cara não é o máximo?

11:00 am

Ganhei do Luiz no dominó. Luiz sai. Tirei o resto das peças
da manga (“tenha sempre backups”). Usuário liga, diz que
servidor de contabilidade está fora do ar. Desconecto o
cabo Ethernet da antena do radio (melhor recepção) e ligo
de volta no hub. Disse a ele que tentasse novamente.
Mais um usuário feliz!

11:55 am

Expliquei ao Jonas a política corporativa 98.022.01 “Sempre
que novos empregados começam em dias que terminam em ‘A’
estão obrigados a prover sustento e repouso ao analista
técnico senior do seu turno “Jonas duvida. Mostrei o
banco de dados de “políticas corporativas”. “Lembre-se,
a pizza é de peperoni, sem pimenta!”, gritei enquanto
Jonas pisa no taco solto ao sair.

13:00 pm

Oooooh! Pizza me dá um sono…

16:30 pm

Acordo de uma soneca refrescante. Peguei o Jonas lendo
anúncios de emprego.

17:00 pm

Troca de turno. Desligo e ligo o servidor varias vezes
(Teste do botão ON-OFF…). Até amanhã…

**** Sexta Feira ****

8:00 am

Turno da noite continua tendo problemas para trocar a fonte
de alimentação do servidor. Disse a eles que estava
funcionando direito quando sai.

9:00 am

Jonas não está aqui ainda. Decidi que deveria começar a
responder as chamadas eu mesmo.

9:02 am

Chamada de usuário. Diz que a base em Sergipe não consegue
replicar. Eu e Luiz determinamos que é problema de
fuso horário. Mandei eles ligarem para Telecomunicações.

9:30 am

Meu Deus! Outro usuário! Eles são como formigas, Dizem que
estão em Manaus e não conseguem replicar com Sergipe. Falei
que era fuso horário, mas com duas-horas de diferença.
Sugeri que eles resetassem o time no servidor.

10:17 am

Usuário do Espírito Santo liga. Diz que não consegue mandar
mail pra Manaus. Disse pra eles setarem o servidor
para 3 horas adiantado.

11:00 am

E-mail da corporação diz para todos pararem de resetar o
time dos servidores. Troquei o “date stamp” e reenviei
para o Acre.

11:20 am

Terminei a macro @FazerCafe. Recoloquei o telefone no gancho.

11:23 am

O Acre liga, perguntando que dia é hoje.

11:25 am

Gerente de suporte passa pra dizer que o Jonas pediu pra
sair. “Tão dificil achar boa ajuda…”, respondi. O gerente
disse que ele tem um horário com o ortopedista essa tarde
e pergunta se eu me importo em substitui-lo na reunião
semanal dos administradores. “No problems”, eu respondo.

11:30 am

Chamo Luis e digo que a oportunidade bate à sua porta e
ele é convidado para um encontro essa tarde. “Claro,
você pode trazer seu jogo de dominó”, digo a ele.

12:00 am

almoço

13:00 pm

Começo backups completos no servidor Linux. Redireciono o
device para NULL para o backup ser mais rápido.

13:03 pm

Backup semanal completo. Cara, como eu gosto da tecnologia
moderna!

14:30 pm

Olho o banco de dados de contatos de suporte. Cancelo o
compromisso de 2:45pm. Ele deve ficar em casa
descansando.

14:39 pm

Outro usuario ligando. Diz que quer aprender a criar um
documento de conexão. Digo a ele para rodar o utilitário
de documentos CTRL-ALT-DEL Ele disse que o PC reiniciou.
Digo a ele para chamar o microsuporte.

15:00 pm

Outro usuário (novato) liga. Diz que a macro periódica não
funciona. Disse a ele para incluir a macro @DeleteDocument
no final da fórmula e prometi a ele mandar-lhe o anexo do
manual que indica isso.

16:00 pm

Acabei de trocar a cor de frente de todos os documentos
para branco. Também setei o tamanho da letra para 2 nos
bancos de dados de ajuda.

16:30 pm

Um usuário liga pra dizer que não consegue ver nada em
nenhum documento. Digo a ele para ir no menu Edit, opção
Select all, e apertar a tecla Delete depois refresh.
Prometi mandar-lhe a página do manual que fala sobre
isso.

16:45 pm

Outro usuário liga. Diz que não consegue ver os helps dos
documentos. Digo a ele que irei consertar. Mudei a
fonte para WingDings.

16:58 pm

Conectei a cafeteira no hub Ethernet pra ver o que
acontece…Nada… (muito sério).

17:00 pm

O turno da noite apareceu. Digo a eles que o hub está
agindo estranho. Desejo um bom fim-de-semana.

FIM

Clique aqui para mais histórias do Operador Bastardo do Inferno.

Todos esses textos são traduções de Bastard Operator From Hell de Simon_Travaglia

Internet o quê?

Publicado em 19/11/2009 em Histórias Reais,SUPORTE - A Série

Suporte – Apresentação

Publicado em 31/08/2009 em SUPORTE - A Série

Suporte_1

© 2017 Vida de Suporte | Feito com Wordpress - Desenvolvimento por Dk Ribeiro